Aniversário do Lar das Moças Cegas tem inauguração de laboratório com impressoras 3D e homenagens para Deputada Valéria Bolsonaro

Aniversário do Lar das Moças Cegas tem inauguração de laboratório com impressoras 3D e homenagens para Deputada Valéria Bolsonaro

O aniversário de 79 anos do Lar das Moças cegas em Santos foi especial. A grande festa, que aconteceu na própria sede na última segunda-feira, 18, contou com presenças de autoridades, entre elas a Deputada Estadual Valéria Bolsonaro (PL), inauguração do laboratório de impressoras 3D e muitas homenagens, que emocionaram a todos. Destaque para a Deputada Valéria, que terá seu nome no Laboratório recém-inaugurado.

O Lar é um núcleo vinculado ao Instituto Profissional Paulista para Cegas de São Paulo, com atendimento para homens e mulheres, masculino oferecendo- lhes as mesmas oportunidades e direitos, de modo que a pessoa com deficiência visual possa ter todas as possibilidades e perspectivas de uma evolução e que ele consiga conviver socialmente como qualquer pessoa. Cada pessoa atendida na instituição tem um projeto pedagógico ou terapêutico focado nas suas necessidades, promovendo assim uma dinâmica de autonomia e independência para cada indivíduo.

Fascinada pelo trabalho do LMC, Valéria deu todo apoio como parlamentar, buscando recursos e meios para ajudar a instituição. Através de emenda, no valor de R$ 130 mil, foi possível a compra de duas impressoras 3D, que serão usadas para reproduzir objetos, monumentos, entre outros, que exigem maior complexidade de entendimento dos deficientes visuais ou daqueles que possuem baixa visão.

Como forma de agradecer pela conquista, o LMC, através do seu presidente, Carlos Antônio Gomes, Carlucho, nomeou o espaço de “Laboratório de Impressoras 3D – Valéria Bolsonaro”.

Muito emocionada, a Deputada agradeceu por todo o carinho que sempre recebeu, reforçando que seu trabalho é uma missão e o que todos os dias agradece pelo “dom que Deus lhe deu”.

É muita emoção, pois sempre batalhei pela pessoa com deficiência, desde os tempos em que era professora. Como parlamentar, pude potencializei o meu trabalho, estando mais próxima, entendo suas dificuldades e buscando meios de ajudar. Além da nossa Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Doenças Raras, estamos sempre ao lado das instituições, enviando recursos e pleiteando possibilidades. Hoje foi a realização de um sonho para o Lar das Moças Cegas, e me orgulho em fazer parte dele”, discursou.

 

 

 

Fechar Menu